Expo: o que é, para que serve e quando utilizar?

Aprender React Native com Expo ou iniciar sem ele?

Expo: o que é, para que serve e quando utilizar?

O Expo é uma ferramenta utilizada no desenvolvimento mobile com React Native que permite o fácil acesso às API’s nativas do dispositivo sem precisar instalar qualquer dependência ou alterar código nativo.

Apesar de cumprir esse papel muito bem, o Expo possui algumas desvantagens, principalmente para programadores que estão migrando de um estágio iniciante para intermediário com React Native e por isso vamos analisar todas vantagens do Expo e pontos negativos nesse post.

Se você seguiu nosso Minicurso de React Native para iniciantes, provavelmente percebeu que não utilizei o Expo durante as aulas e nesse post vou explicar o motivo disso.

Caso ainda não tenha começado o desenvolvimento com React Native, recomendo muito ler esse post.

Para que serve o expo?

Quando iniciamos no desenvolvimento mobile percebemos que o número de API’s e recursos nativos que podemos controlar através da nossa aplicação é gigante, e muitas vezes não nos recordamos de todas opções que temos disponíveis.

O Expo, por sua vez, oferece grande parte desses recursos de forma nativa e integrada e, por exemplo, você tem acesso à recursos como câmera, microfone, player de música, entre outros, de forma muito simples utilizando essa ferramenta.

Apesar de todos esses benefícios, o grande ponto do Expo para quem está iniciando é que para começar a desenvolver suas aplicações mobile com React Native você não precisará instalar a SDK do Android ou o XCode para Mac, isso porque o Expo possui um aplicativo móvel instalável pelas lojas do Android/iOS que contém todo código nativo necessário pelo React Native para iniciar sua aplicação e, dessa forma, a única alteração em código que você faz é em Javascript.

O ponto destacado acima, na minha opinião, tem dois lados. A vantagem é que nesse formato o desenvolvedor inicia muito rápido e em poucos minutos está criando sua aplicação, toda parte complicada foi abstraída. A desvantagem está em exatamente pular essas etapas pois desconhecendo todo processo de instalação da SDK do Android ou XCode para iOS vai te limitar MUITO futuramente para lidar com processos de atualização e build das aplicações.

Quando utilizar?

Minha recomendação é que você utilize o Expo apenas em duas situações:

  1. Você está testando o React Native e quer entender como ele funciona;
  2. Você não tem interesse em publicar e manter aplicações mobile complexas (apenas criar apps simples).

“Ah, mas por que você não gosta do Expo?” Não é uma questão de não gostar, eu acredito que essa ferramenta tem seu espaço, mas, por experiência, ter todo conhecimento por volta do ecossistema Android e iOS para publicação e manutenção dos apps vai te dar muita flexibilidade enquanto que com o Expo você ficará totalmente restrito a utilizar as features conforme são lançadas.

Concluindo

Apesar de extremamente fácil de configurar, na minha opinião, o Expo ainda não está maduro suficiente para ser utilizado em projetos maiores e que principalmente precisam ser mantidos constantemente. Suas vantagens para iniciantes são rapidamente perdidas conforme o conhecimento é maior e acabam se tornando pontos negativos para o desenvolvedor, o qual não terá conhecimento necessário na SDK do Android e iOS para realizar futuras modificações nessas plataformas.

A dor e os problemas de instalar o ambiente de desenvolvimento sem Expo no início valem a pena futuramente na hora de publicar e manter os apps.


Se você curtiu o post e tem algo a complementar deixa um comentário aí embaixo para trocarmos uma ideia 🙂

A seguir:

Integração do Material UI com ReactJS

Integração do Material UI com ReactJS